Instituto Superior Técnico

Área de Transferência de Tecnologia do IST

Sobre a TT@IST

TT@IST – Área de Transferência de Tecnologia do Técnico

tt-ist

A TT@IST está localizada junto ao Campus da Alameda do IST, na Av. António José de Almeida 12, Lisboa.

O Instituto Superior Técnico (IST) foi fundado pelo primeiro Governo de Portugal após a revolução republicana de 1910 no âmbito de uma reforma global do sistema educativo nacional. O seu primeiro diretor foi o Professor Alfredo Bensaúde, Doutorado pela Universidade Gottingen, que teve a oportunidade de colocar em prática as suas ideias inovadoras sobre ensino tecnológico que defendia desde 1892. Os seus escritos referem o objetivo de ministrar aos alunos “uma instrução imediatamente aplicável à indústria nacional, o que cria a procura destes por parte dos industriais”, a escola deverá fornecer “engenheiros que possuam não só o saber, mas também as qualidades necessárias para que contribuam (…) para o progresso económico”. É desta forma natural que ao longo dos seus mais de 100 anos de história o IST tenha mantido fortes laços com a indústria, sendo tanto uma fonte de engenheiros altamente qualificados como de inovações tecnológicas, quer para empresas estabelecidas quer para a criação de novos negócios.

O IST tem sido reconhecido como uma das mais notáveis escolas de engenharia em Portugal, atraindo os melhores alunos do ensino secundário e mantendo padrões de exigência muito elevados, resultando em profissionais extremamente competentes, tendo alguns deles atingido lugares de topo nas mais relevantes empresas portuguesas. A importância histórica do IST não se limita ao impacto dos seus antigos alunos e professores na atividade empresarial. Alguns deles serviram também no governo de Portugal como Primeiros-Ministros e Ministros de várias pastas. Ao longo dos anos, capacidade de inovação dos diplomados pelo IST tem resultado também na criação de muitas novas iniciativas empresariais, criadas não só por antigos alunos mas também por professores e investigadores do IST.

A importância que o IST dá à ligação ao tecido empresarial e ao empreendedorismo concretiza-se na atual estrutura orgânica, com a nomeação de um membro do conselho de gestão responsável por estes assuntos. A transferência de tecnologia é também um dos três pilares do plano estratégico do IST, a par com a educação e a investigação. A reestruturação de 2009 criou também a área de Transferência de Tecnologia do IST (TT@IST), o serviço responsável pela contratualização, proteção, gestão e valorização da propriedade intelectual do IST. A TT@IST é também o ponto de contacto entre o IST e as empresas e tem a responsabilidade da promoção do empreendedorismo junto dos alunos, investigadores e professores.

A transferência de tecnologia para o benefício da Sociedade é um dos três pilares estratégicos do IST, a par do ensino e da investigação.

O IST foi também pioneiro em Portugal na proteção da propriedade intelectual como forma de potenciar a sua valorização, sendo a entidade portuguesa com o maior número de patentes registadas. Muitas destas patentes são resultantes de projetos de investigação envolvendo empresas que têm o direito de preferência no seu licenciamento para exploração comercial. Para além das patentes, o IST faz também licenciamento de outros direitos de propriedade intelectual, tais como direitos de autor de programas de computador, marcas associadas a produtos tecnológicos, entre outros. Algumas das startups saídas do IST dispõem de contratos de licenciamento para a exploração de direitos de propriedade intelectual do IST ou dos seus centros de investigação associados.

O reconhecimento da qualidade dos centros de investigação do IST é também comprovado pelo número de estudos que lhes são encomendados pelo governo português em assuntos tão diversos como os transportes, a geofísica, a construção civil, tecnologias de informação, entre outros. Em particular, 7 dos seus centros de investigação receberam o estatuto de “Laboratórios Associado” que, para além de receberem financiamento adicional, devem estar disponíveis para serem consultados pelo Governo sobre a definição dos programas e instrumentos da política científica e tecnológica nacional.

Com o objetivo de reconhecer o espírito empreendedor dos seus alunos, investigadores e professores, o IST criou da Comunidade IST SPIN-OFF para reunir as empresas de base tecnológica ligadas ao IST. Estas empresas estão autorizadas a utilizar o logótipo com a marca registada da Comunidade para serem identificadas como um exemplo de sucesso do impacto do IST na Sociedade.

A TT@IST é composta por dois núcleos: o Núcleo de Propriedade Intelectual, do qual fazem parte a Dr.ª Patrícia Lima, a Eng.ª Rita Mendonça e a Dr.ª Maria Manuel Meruje, e o Núcleo de Parcerias Empresariais, do qual faz parte a Dr.ª Carlota Santos Silva, a Dr.ª Sandra Godinho Borges e a Dr.ª Beatriz Mendes. O apoio administrativo à TT@IST é assegurado por Alexandra Jacques.

Área de Intervenção Contacto
Parcerias Empresariais pe@tecnico.ulisboa.pt
Inovação e Empreendedorismo tt@tecnico.ulisboa.pt
Propriedade Intelectual pi@tecnico.ulisboa.pt
Desenvolvimento de Carreira pe@tecnico.ulisboa.pt